sábado, 17 de setembro de 2011

Mulata sem dente (uma história de vida, ouvida, na praça da invasão)

Vim pra Trancoso e vim contente
Uma mulata sem dente, me fez arrepará
larga nas anca, firme nas tamanca
Olhar atrevido, eu fiz logo casar.

Consertei logo as banguela
Engordei minha magrela
Comprei tudo novo pra ela
Que formusura que ficou

Saia na rua , era assobio
Entrava no buteco dava arripio
Dos cabocrô a lhe zoiá

Um dia de cana na testa
Arretado no meio da festa
Um cabra chamo e ela foi dançar

Numa conversa profunda
Língua na oreia, duas mão na bunda
Meu chicote cumeu os dois

A mulé que era sensível
Disse que eu abaxei o nível
Ói o que aconteceu depois

Andei chorando pelos cantos
Orando pra alguns santos
Queimando vela pra ela voltar

Mas nem a macumba de mil reais
Fez a danada olhar pra trás
Xinguei o diabo de cão miúdo
Besta inútil, velho chifrudo
Cadê meu bem, pelo seu vintém?

Mulata safada, mulé assanhada
So quer pagodar no samba de lá
Tem gringo a vontade , avião pras Itália,
Devolve a sandália, não me faz ir tomar

Eu que fiz esses dentes, nessa boca banguela
Comprei mini blusa e bandana amarela
Creme pro sol e ensinei futebol

E agora essa mardita, nem no meu time acredita
Padogeia pelo mengo
Reboleia e faz um dengo
No boteco do adão

Eu como as unhas de nervoso
Enquanto ela samba gostoso
E agora é conhecida
Rainha da praça da invasão.



4 comentários:

  1. Já estou seguindo seu blog pelo Google friend conect, tem um belo conteúdo, convido a conhecer meu blog: http://profeciasoapiceem2036.blogspot.com/ e também seguir-me pelo Google friend. Abraço

    ResponderExcluir
  2. Nossa muito bom! parabéns você é muito criativa e escreve muito bem...
    continue assim e logo logo sairá um livro...

    http://www.diversao-web.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu! Abandonei um tempo, mas estou voltando. Opiniões como a sua me inspiraram de novo. Obrigada, de coração. Uma pessoa faz toda diferença entre milhões de outras!

      Excluir
  3. caraca

    olha

    eu raramente falo que algo é muito bom

    mas esse texto é muito bom

    http://oarlecrim.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Hora verdade:- Conte pra mim o que você sentiu...